Page tree
Skip to end of metadata
Go to start of metadata

You are viewing an old version of this page. View the current version.

Compare with Current View Page History

« Previous Version 13 Next »

SistemaÚltima AtualizaçãoAutorTécnico
Integral29/06/2018Lucas de AguiarEdna Abreu

Sumário:



Ajustar Novo Layout 4.0 Nota Fiscal Integral


Neste manual é possível observar como o Sistema Integral está realizando as adequações para a NF-e 4.0 em substituição a versão atual 3.10. É possível observar os dados necessários para alteração de versão e informações sobre quais e como preencher os novos campos, também é importante entender que é necessário completar algumas etapas é fundamental que a atualização de versão ocorra sem complicações.


Confira estas dicas para entender a NF-e 4.0 e ter a melhor atualização possível.


O prazo da SEFAZ previsto para a implantação das mudanças é:

    • A Versão 4.0 que já está vigente desde 04/12/2017 (Nota Técnica 1.41);
    • A Versão 3.10 será desativada em 02/08/2018;


Para mais informações sobre a NF-e 4.0 acesse os artigos: "10 mudanças da NFe 4.0 na prática" e "NFe 4.0: o que muda com essa nova versão de nota?".


Observações:

  • Para os clientes que já estão na nova versão do Novo NF-e, devem somente aguardar a liberação da versão do Integral.
  • Para os clientes que ainda não migraram para a nova versão do Novo NF-e, devem entrar em contato com o Suporte via chat e solicitar a atualização, pois para autorizar as notas fiscais na versão 4.0 somente o Novo NF-e estará liberado.


1 - Configurações da Versão


Antes de transmitir as notas fiscais na nova Versão 4.0 deverá realizar os seguintes procedimentos:


  • Parametrização da Versão Integral: Será necessário alterar a versão da emissão de notas de 3.10 para 4.0, sendo necessário estar com a última versão do Sistema Integral atualizada, para obtê-la acesse o Portal Avanço e realize o download. Para mais detalhes sobre como configurar a versão de emissão de notas acesse o documento: "Dúvida | Como Configurar Sistema Emitir Notas Fiscais Versão 4.0 Integral?".


  • Parametrização da Versão Integral Varejo: Será necessário alterar a versão da emissão de notas de 3.10 para 4.0, sendo necessário estar com a última versão do Sistema Integral Varejo atualizada, para obtê-la acesse o Portal Avanço e realize o download. Para mais detalhes sobre como configurar a versão de emissão de notas acesse o documento: "Dúvida | Como Configurar Sistema Emitir Notas Fiscais Versão 4.0 Integral Varejo?"



2 - Principais Alterações NF-e 4.0


No dia 2 de Agosto de 2018, a versão 3.10 será desativada, por isso é necessário estar atento ao sistema devidamente atualizado para não ficar sem emitir a NF-e. A seguir é possível observar as principais alterações no sistema para atender esta nova mudança de versão.


2.1 - Modalidades de Frete


Na versão do XML 4.0 foram implementadas novas modalidades de frete com os novos valores definidos pela SEFAZ realizando a conversão da gravação no SPED FISCAL.


Códigos novos válidos na versão 4.0 da NF-e:

0 - Contratação do Frete por conta do Remetente (CIF);

1 - Contratação do Frete por conta do Destinatário (FOB);

2 - Contratação do Frete por conta de Terceiros;

3 - Transporte próprio por conta do Remetente;

4 - Transporte próprio por conta do Destinatário;

9 - Sem ocorrência de transporte.


Observações:


2.2 - Informações de Pagamento


Na versão 3.10 da NF-e, o campo de pagamento era obrigatório apenas para NFC-e. Agora, na versão 4.0, o preenchimento do Grupo Informações de Pagamento (campo pag) é obrigatório tanto para NF-e quanto para NFC-E.


O grupo de pagamento foi organizado em novos campos:


  • Detalhamento da Forma de Pagamento: Será utilizado para indicar o valor pago para a determinada forma de pagamento.
  • Indicador da Forma de Pagamento: Será usado para identificar como a nota será paga. Podendo ser mais de uma forma: 00 = Pagamento à Vista, 01 = Pagamento à Prazo.
  • Meio de Pagamento: Será usado para identificar em qual meio a nota será paga. Podendo ser escolhida mais de um meio: (Dinheiro, Cheque, Cartão de Crédito, Cartão de Débito, etc.).
  • NF-e Ajuste e Devolução: Para as notas de Ajuste ou a Devolução de uma NF-e a forma de pagamento deve ser preenchida com o valor 90=Sem Pagamento.


Observações:


2.3 - Fundo de Combate a Pobreza (FCP)


O Fundo de Combate à Pobreza (FCP) é destinado a diminuir o impacto de desigualdades sociais entre os estados brasileiros. Nele pode ser incluído um percentual no ICMS nas operações internas ou nas operações interestaduais com Substituição Tributária que irá variar conforme o tipo do Produto e Estado. No arquivo XML, os campos do imposto são opcionais.

O cálculo do ICMS e do ICMS ST referente ao FCP (Fundo de Combate a Pobreza) não será mais realizado sobre a alíquota de ICMS, passando a ser realizado em cima alíquota própria. O percentual continuará sendo calculado em cima da base do ICMS. Para o cálculo do ICMS ST, também não será mais agrupado a alíquota sendo seu cálculo feito de forma separada. Este valor do FCP será adicionado ao preço da mercadoria.


Observações:


2.4 - Validação do GTIN (Código de Barras)


Na nova versão existe a obrigatoriedade de preenchimento dos campos cEAN e cEANTrib (códigos de barras) que serão validados de acordo com o Cadastro Centralizado de GTIN (CCG). Deverão ser preenchidos um dos códigos GTIN (GTIN-8, GTIN-12, GTIN-13 OU GTIN-14) de acordo com o produto. Para produtos que não possuem código de barras com GTIN cadastrado, o sistema irá preencher automaticamente a informação "SEM GTIN". Nos demais casos, deverá ser preenchido pelas empresas o código GTIN contido na embalagem com código de barras.


Observações:

  • Por enquanto a SEFAZ irá validar se o código é um valor válido e se foi preenchido, sendo que futuramente será implementada também a validação se o GTIN informado é compatível ou não com NCM ou CEST do Produto.
  • Para mais detalhes sobre como agrupar EAN acesse o documento:"Dúvida | Como Agrupar Produtos Código EAN Integral?".


2.5 - Valor de IPI Devolvido


Na NF-e 4.0 foi incluído um novo campo obrigatório no Total da NF-e, o qual é nomeado como "vIPIDevol" responsável por informar valor total do IPI devolvido.


Nas regras de validação da NF-e 4.0, para as notas com a finalidade de Devolução, os valores de IPI que foram devolvidos nas operações com não contribuinte do IPI deverá ser enviado como "Valor IPI Devolvido" na Tag e não será mais enviado em "Outras Despesas".


Observação: Para mais detalhes sobre esta alteração acesse o documento:"Dúvida | Como Configurar Valor IPI NF-e Devolução Versão 4.0 Integral?".


2.6 - Informações de Combustível


Na versão 4.0 para as notas de combustíveis, houve a criação de alguns novos campos para os percentuais de mistura do Gás Liquefeto de Petroleo - GLP quando for com o Código ANP = 210203001, e será gravado as informações nas novas Tags do XML.


        • Percentual do GLP derivado do petróleo no produto GLP (campo pGLP);
        • Percentual de Gás Natural Nacional - GLGNn para o produto GLP (campo pGNn);
        • Percentual de Gás Natural Importado - GLGNi para o produto GLP (campo pGNi);
        • Descrição do produto conforme ANP (campo descANP);


Observação: Para mais detalhes sobre esta alteração acesse o documento:"Dúvida | Como Emitir NF-e Combustível Versão 4.0 Integral?".


2.7 - Rastreabilidade do Produto


Na versão do XML 4.0, os produtos que estão sujeitos a regulações sanitárias serão enviados pelos fornecedores novos dados pertencentes ao Grupo de Rastreabilidade. Este grupo foi criado para rastrear qualquer produto sujeito a regulações sanitárias como: remédios, produtos veterinários, odontológicos, itens que passem por recolhimento/recall, defensivos agrícolas, bebidas, entre outros. Sendo assim devem indicar as informações como número de lote e data de fabricação/produção.


        • Número do lote do produto;
        • Quantidade de produto no lote;
        • Data de fabricação/produção;
        • Data de validade;


Observação:


3 - Consultando Movimentações


As gravações das novas informações nas movimentações poderão ser acessadas nas rotinas abaixo:




  • No labels