Page tree
Skip to end of metadata
Go to start of metadata
SistemaÚltima AtualizaçãoAutorTécnico
Integral07/01/2019Priscilla BárbaraPriscilla Bárbara

Dúvida:


Como Consultar Nota Fiscal de Entrada na Rotina Fiscal do Integral?


Sumário:



Solução:


1 - Consultando a Nota Fiscal de Entrada na Rotina do Fiscal no Integral


Rotina:Entrada - Consulta
Programa:FIS352
Localização:Administracao Fiscal / Entrada / Manutencao / Consulta / Fiscal


OBSERVAÇÃO: É possível consultar a nota fiscal de entrada no caminho Administracao Fiscal / Manutencao / Entrada / Altera-Exclui também. Entretanto, para evitar que a nota seja excluída por engano, é aconselhável utilizá-la somente quando desejar alterar ou excluir um lançamento.


Acesse a rotina localizada acima.




Campos importantes da tela abaixo:


CamposDescrição
Loja:Informe a loja desejada para consultar a nota fiscal.
Mes/Ano:Informe o mês e o ano desejados para consultar a nota fiscal.
Nova/Sit:

Informe S se desejar utilizar a nova consulta fiscal. / Informe N se desejar consultar as notas normais ou C para as notas canceladas.

OBSERVAÇÃO: O campo Sit só é habilitado quando for informado a letra S no campo Nova, do contrário, ficará como default a letra N.


Assim que preencher as informações acima, pressione a tecla Enter ou S para confirmar e acessar a rotina.



Assim que acessar a rotina, informe no campo Documento o número da nota fiscal que deseja consultar e pressionar a tecla Page Down até carregar as informações da nota.


OBSERVAÇÃO: O campo Documento comporta apenas 6 dígitos, sendo assim, a nota fiscal que contiver um número maior que o suportado deverá ser informado apenas os seis últimos dígitos.



As notas fiscais que contiverem mais de um CFOP com tributação e alíquotas diferentes, serão dividas em sequenciais, discriminados no campo Seq.

No exemplo abaixo, a nota fiscal 484 foi dividida no sequencial 3, para o CFOP 1102 sem imposto, e no sequencial 4, para o CFOP 1403 substituição tributária.




Pode ocorrer em alguns casos, da nota fiscal ter a mesma numeração do documento. Diante disso, para distinguir cada uma, será necessário verificar a data de emissão e o emitente.

No exemplo abaixo, a numeração da nota fiscal é 484, a mesma que as dos exemplos anteriores, entretanto, a data de emissão e o emitente são diferentes.