Page tree
Skip to end of metadata
Go to start of metadata
SistemaÚltima AtualizaçãoAutorTécnico
Integral08/01/2019Priscilla BárbaraWilker Kunert

Sumário:



Cálculo de Transformação Automática


Este manual tem o objetivo de explicar como é realizado no sistema o cálculo de transformação.


1 - Parametrizando a Transformação Automática


Rotina:Transformação
Programa:PRO706
Localização:

Menu Principal / F5 / Administ. Materiais / Movimentacao / Transformacao

 

Para parametrizar a transformação automática, acesse a localização citada acima.




Ao acessar a rotina pressione a tecla Enter até chegar no campo Pr. Insumos Prod+Perd. Informe N nesse campo e pressione Enter ou S para confirmar a alteração, conforme exemplo abaixo.


Tela de Exemplo da Parametrização da Transformação Automática


O sistema irá considerar o preço de custo do insumo ao produto abatido (como boi, por exemplo), que foi registrado na entrada da nota fiscal, menos as perdas. Ou seja, atualizará as quantidades e preços de Custo/PMZ das partes automaticamente de acordo com a entrada do produto abatido.


2 - Exemplificando o Cálculo da Transformação Automática


Exemplo de o Cálculo da Transformação Automática


3 - Definindo a Média de Percentual da Composição


É possível definir na tabela de composição uma média em percentual por cada peça que será distribuído do produto final e o percentual de perda que será calculada na transformação automática.


Rotina:Composição Inclusão
Programa:EST601
Localização:

Controle de Producao / Composicao / Inclusao


Para definir a média de percentual da composição, acesse a localização citada acima.





Assim que acessar a rotina, informe o código do produto final e pressione a tecla Enter percorrendo e mantendo os parâmetros conforme figura abaixo. Ao chegar no campo Pe% informe o percentual de perda na fabricação e pressione a tecla Enter para confirmar. Em seguida, informe o código de cada item (peça) e o seu percentual de composição e pressione Enter até confirmar.


Tela de Exemplo da Composição do Produto Boi Casado


4 - Exemplificando Entrada de Nota Fiscal com o Produto Boi Casado


Rotina:Compra - Inclusão
Programa:MOV205
Localização:

Administracao Materiais / Gestao de Estoque / Gerenciamento Filial / Entradas e Saidas / Movimentacao / Entrada / Compra / Mercadoria


Para lançar uma nota fiscal de entrada, acesse a localização citada acima.

Abaixo um exemplo da tela de produtos da nota nota fiscal de entrada.



Com o percentual de perda definido em 30% na tabela de composição e ao entrar com a nota fiscal informando a quantidade de 800 quilos do peso bruto do produto final “Boi Casado” e o valor unitário de R$6,25 por quilo, conforme mostra a figura acima, o sistema determinará a quantidade do peso líquido do boi casado, considerando o peso bruto menos o percentual da perda. Ou seja, 800 – 30% = 560 kg de carcaça a ser distribuída entre as partes fazem parte da tabela de composição.


5 - Demonstrando o Resultado do Cálculo da Transformação nos Produtos Após a Entrada da Nota Fiscal


A transformação ocorrerá após conclusão do lançamento da nota fiscal de compra. Com base no peso líquido calculado internamente pelo sistema Avanço, automaticamente fará a distribuição nos itens de acordo com o percentual de cada um que consta na tabela de composição. Ou seja, no exemplo da planilha do cálculo, demonstrado no tópico 2 - Exemplificando o Cálculo da Transformação Automática, do total dos 560 kg em peso líquido do boi casado, será distribuído ao item Acém Bovino 280kg.


Rotina:Consulta
Programa:CON005
Localização:

F3 / Produtos / Ficha Financeira


Para consultar a ficha financeira do produto, acesse a localização citada acima.

Abaixo segue exemplo do produto do boi casado após a entrada da nota fiscal.


Tela de Exemplo do Boi Casado Após a Transformação


Abaixo seguem exemplos dos produtos (peças) do boi casado após a entrada da nota fiscal.


Tela de Exemplo do Boi Casado Transformado em Patinho Bovino


Tela de Exemplo do Boi Casado Transformado em Acem Bovino


Tela de Exemplo do Boi Casado Transformado em Picanha


6 - Explicando alguns Dados


6.1 - Receita de Vendas


Na medida em que for registrando a venda de cada um dos produtos na peça, o sistema terá o resultado da receita de vendas no quilo vendido. Por exemplo, o produto Acém foi vendido ao valor de R$12,90 kg com todo o seu estoque de 280 kg, sendo assim a receita será de R$3612,00.


6.2 - Fator Multiplicador para Definir Preço de Custo Praticado


O fator multiplicador é calculado automaticamente pelo sistema Avanço para definir o custo praticado por kilo vendido de cada produto. O sistema considera o custo total do boi casado que consta na nota fiscal dividido pela receita total de vendas. No exemplo da planilha visto no tópico 2 - Exemplificando o Cálculo da Transformação Automática, tem-se:

  • Preço de Custo Total da Nota fiscal de Compra = R$5000,00
  • Receita Total das Vendas = R$10875,20
  • Teremos 5000/10875,20 = 0,4597… (ou seja, o custo representa 45,97% do total de receita de vendas)

6.3 - Custo Praticado do Produto


O sistema considera o preço de venda vezes ( x ) o fator multiplicador. Por exemplo, o produto Acém foi vendido ao valor de R$12,90 por kg x 45,97% = 5,93.


6.4 -  Custo Praticado Total


O sistema considera o peso líquido total por produto vezes ( x ) o custo praticado. No exemplo da planilha visto no tópico 2 - Exemplificando o Cálculo da Transformação Automática, o custo total praticado do produto Acém foi R$2014,22, pois o peso líquido são 280kgs x custo praticado no kilo de R$7,19.


OBSERVAÇÃO: Antes de entrar com nota fiscal no sistema Avanço, se o custo bruto cobrado na nota fiscal for significativamente menor do que o custo anterior, recomendamos que a alteração do preço de venda seja realizada antes de entrar com a nota fiscal no sistema.